Câmara Municipal aprova lei que permite visita de pets a pacientes em hospitais

Os animais de estimação terão que tomar banho 6h antes de entrarem no ambiente hospitalar

Foi aprovado em votação simbólica nesta quinta-feira (11) pela Câmara Municipal de Campo Grande o projeto de lei que autoriza que pacientes de hospitais na cidade recebam a visita de animais de estimação.

Sob o número 9.326 e de autoria do vereador Eduardo Cury (SD), a questão foi analisada em regime de urgência para evitar que a pauta travasse outras avaliações na Casa. Agora, o projeto segue para sanção ou veto do prefeito Marquinhos Trad (PSD).

A permissão de pets em hospitais já foi alvo de votação na Assembleia Legislativa e também de audiência pública, proposta por Cury, que é médico. Apesar disso, três vereadores se posicionaram contra sua aprovação.

Otávio Trad (PTB), Dr. Loester (MDB) e Vinicius Siqueira (DEM) foram os votos contrários. “Conversei com amigos médicos que apontaram dúvidas a respeito da questão sanitária”, explica Otávio, ao falar da presença dos pets nesses ambientes.

Junto ao texto-base, três emendas foram aprovadas também. Segundo o relator da proposta na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), o vereador Junior Longo (PSB), uma dessas emendas estabelece que, para adentrar em ambiente hospitalar os pets devem tomar banho seis horas antes, tudo devidamente comprovado por seus responsáveis.

Mais notícias