André diz que MDB tem cinco nomes para concorrer a prefeitura de Campo Grande

Partido vai fazer pesquisas em cima dos nomes, não revelados pelo ex-governador. Pré-candidato de Ponta Porã já foi escolhido

Cinco nomes. Esse é o total de pretensos candidatos a prefeitura de Campo Grande pelo MDB em 2020, segundo revelou neste sábado (21) o ex-governador e líder regional da sigla, André Puccinelli. Ele participou do evento de posse de Delcídio do Amaral como presidente do PTB-MS, na Câmara Municipal.

Nesta semana, o partido fez sua primeira reunião em busca de nomes para as eleições do ano que vem. Por ora, a legenda apenas confirma que terá candidato próprio em Campo Grande, mas os pretensos nomes não são revelados por André, que nega estar entre eles.

Entre os cotados, estão o ex-senador Waldemir Moka e o deputado estadual Marcio Fernandes. Nomes ainda não filiados do MDB também podem surgir no partido, que pretende definir quem será o candidato até o fim do ano.

“Estamos atuando politicamente e mesmo não sendo candidato a cargo eletivo vou ajudar meu partido. Vamos fazer uma pesquisa com esses cinco nomes”, explica André, que diz ainda deixar para a senadora Simone Tebet e o deputado estadual Eduardo Rocha, ambos do MDB, resolverem a situação referente a Três Lagoas.

Além disso, André adiantou que Luiz Rene Gonçalves do Amaral foi escolhido esta semana como pré-candidato do MDB em Ponta Porã, após visita feita por ele a cidade na fronteira com o Paraguai para articulação eleitoral.

Mais notícias