‘Acostumei a ligar a TV e ver isso no país’, diz Murilo Zauith sobre operação da PF

Policias federais fizeram buscas na Secretaria de Educação na manhã desta quarta-feira

Os integrantes do Governo do Estado acordaram, nesta quarta-feira (8), diante da informação de que uma operação da Polícia Federal cumpria buscas na SED (Secretaria de Estado de Educação). Ao ser questionado sobre o tema, o vice-governador Murilo Zauith (DEM) disse que já se acostumou a ligar a TV de manhã e ver operações da polícia.

“Penso que eu acostumei a ligar a televisão de manhã e ver isso no país. Como hoje há essa rotina de fiscalizar o dinheiro público, penso que homem público está sujeito a isso e tem que prestar contas mesmo”, declarou Zauith, durante apresentação das obras do Aquário do Pantal, que ocorria simultaneamente à Operação Nota Zero.

Enquanto a Secretaria de Estado de Educação era alvo de buscas dos agentes da PF,o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) estava em Brasília em reunião com o presidente Jair Bolsonaro (PSL) e parlamentares do Congresso Nacional.

Jornal Midiamax entrou em contato com Subsecretaria de Comunicação do Governo, que afirmou que só irá se manifestar no período vespertino. A procuradora-geral do Estado, Fabíola Marquetti, acompanhou parte das buscas dos agentes na secretaria e disse que não tem detalhes sobre a operação.

De acordo com a Polícia Federal, que contou com apoio técnico da CGU (Controladoria Geral da União), a Operação Nota Zero objetiva desarticular organização criminosa especializada em fraudar licitações na construção e reforma de escolas estaduais no âmbito da Secretaria de Estado de Educação.

Onze mandados de busca e apreensão foram cumpridos nesta manhã. Durante a operação, uma pessoa- que não teve o nome revelado – foi presa por porte ilegal de arma. Os agentes encontraram 110 munições, um revólver e uma pistola.

As investigações apontaram que a fraude aconteceu em sete tomadas de preço e uma na modalidade concorrência. Com valores de R$ 2.285.941,45 e outras que totalizaram R$ 7.347.785,17.

‘Acostumei a ligar a TV e ver isso no país’, diz Murilo Zauith sobre operação da PF
Mais notícias