Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Sem mandato em 2019, Geraldo espera assumir vaga como deputado ou no Governo Reinaldo

Aposta em “boa relação” com Azambuja

Há pouco mais de uma semana da votação que sacramentou a continuidade do governo Reinaldo Azambuja (PSDB) pelos próximos 4 anos, as articulações para a composição da nova gestão já estão tomando forma. Reinaldo já admitiu que algumas mudanças serão feitas na equipe de secretariado para acomodar aliados e o assunto será discutido em reunião nesta segunda-feira (5) no diretório estadual do partido.

Sem mandato a partir de 2019, o deputado federal Geraldo Resende, companheiro de sigla de Reinaldo, é cotado para vaga na nova formatação da gestão tucana. “Ele [Reinaldo] já deixou claro que a gente vai exercer um papel importante dentro da formatação do novo governo”, acredita.

Geraldo obteve pouco mais de 61,6 mil votos e ficou em 5° lugar na disputa por uma das 8 cadeiras na Câmara dos Deputados. Ele afirma que seus rumos ainda são incertos e que a prioridade é a continuidade do mandato, mas não descarta assumir vaga de deputado, caso algum colega assuma ministério em Brasília e colocou-se à disposição de Reinaldo para somar a equipe de governo.

“Temos uma boa relação, logicamente estamos trabalhando para o final do mandato ser exitoso. Sou concursado do Hospital Universitário da UFGD, a qualquer momento posso assumir o meu trabalho como médico ginecologista, posso assumir vaga em Brasília, se houver chamamento de alguém da bancada da nossa coligação para ser ministro e também posso colaborar com o governo onde o governador achar importante”, disse ao Midiamax.

Cotado por aliados para eventual posto de Secretário de Estado de Saúde, vaga atualmente ocupada pelo médico Carlos Alberto Coimbra, Geraldo nega que o convite tenha sido feito por Reinaldo, mas aposta nas promessas do tucano e “uma relação muito próxima com todo secretariado”.

“Vou respeitar quem está lá, é muito meu amigo, o importante é ele tocar o serviço, inclusive tenho uma relação muito próxima com todo secretariado e sei que o governador já deixou claro que a gente vai estar presente no novo governo, agora não disse onde nem eu especulei, mesmo porque onde estiver, estarei servindo meu estado”, conclui.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...