Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

PSOL tem pré-candidato a governo de MS e busca ‘frente de esquerda’

João Alfredo, ex-vice-prefeito de Ribas, será candidato do partido

O presidente estadual do PSOL de Mato Grosso do Sul, Lucien Rezende, confirmou a pré-candidatura do advogado João Alfredo ao cargo de governador do Estado. A pré-candidatura já vinha sendo discutida desde novembro.

João Alfredo foi vice-prefeito do município de Ribas do Rio Pardo, mas renunciou ao cargo em 2010, quando estava filiado ao PHS. Nas últimas eleições municipais, ele disputou a Prefeitura do município pelo PSOL.

Alfredo diz, em nota, que quer disputar o cargo para oferecer ao eleitor uma opção. “Os mesmos caciques estão aí há dezenas de anos. Todos envolvidos em Lava Jato e Lama Asfática. Queremos mostrar que é possível ter um candidato de nome limpo”, afirmou.

Agora, a meta do PSOL à nível estadual é viabilizar uma frente de esquerda para ter maiores chances. “Estamos tendo bons debates com outros partidos que têm pensamentos iguais aos do PSOL, no sentido de formar uma frente de esquerda para 2018”, diz Lucien, sem dar nomes e siglas.

Ele explica que uma das formas de negociação do partido socialista é oferecer cargos de vice-governador e ao Senado nas suas alianças com outros partidos. “Ainda não podemos dizer nomes porque estamos tendo esses debates”, afirma o presidente estadual do PSOL.

De acordo com Lucien, a confirmação de partidos aliados e nomes para vice-governo e Senado deve surgir depois do fim da janela partidária. “Estamos esperando passar essa questão da janela partidária em abril. Acredito que até pelo dia 20 de abril já teremos esses nomes”, confirma.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...