Em pergunta sobre Meio Ambiente, candidatos aproveitam para falar de ‘fazenda suspeita’

Propriedade teria sido comprada com recursos supostamente desviados

Ao questionar o candidato João Alfredo (Psol) sobre Meio Ambiente durante o Debate Midiamax nesta segunda-feira (24), o candidato Juiz Odilon (PDT) contextualizou a situação com os ‘recentes escândalos’ que que apontaram a compra de uma fazenda no Pantanal com grande área de desmatamento e que teria sido comprada com supostos recursos desviados da JBS.

Foto: Minamar Junior

“Houve favorecimento de vários ouros órgãos para desmatamento de fazenda ser feito em pleno Pantanal. Isso contraria a legislação ambiental do nosso Estado. Eu gostaria de ter acesso a denúncia mesmo, candidato Reinaldo, para fazer uma leitura e talvez ver o que a imprensa pode não ter visto”, respondeu Alfredo.

Odilon ainda disse que a área da fazenda seria maior que a de Campo Grande. “Um desmatamento desses no coração do Pantanal, pulmão do nosso Brasil. Evidente que esse estrago provocou consequências desastrosas. E o proprietário era secretário de Maracaju quando Reinaldo foi prefeito”.

João Alfredo afirmou que durante a Operação Vostok foi apurado um desvio de R$ 209 milhões. “Daria para construir quatro hospitais do porte do regional de Dourados”, finalizou.

Mais notícias