Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Denunciado por fazer ‘boca de urna’ na eleição de 2014 é condenado à prisão

Vai cumprir em regime aberto

Quase quatro anos depois de fazer boca de urna em frente a um bar no bairro Campo Belo, o cidadão Luiz Fernandes foi condenado a seis meses de detenção em regime aberto, além de pagamento de multa. No dia da eleição em 2014, ele distribuía santinhos já preenchidos com o número do então candidato a deputado estadual Pedro Souza (PTN) popularmente conhecido como ‘Papai’.

O condenado estava próximo a uma escola que abriga oito seções eleitorais.  De acordo com a Justiça Eleitoral ele foi apreendido com 22 santinhos e 8 ‘colas’. Em sua defesa, inicialmente negou a prática do delito e arrolou testemunhas.

Depois o processo chegou a ser suspenso, mas acabou sendo retomado em agosto do ano passado por descumprimento de condições impostas a Luiz.

Testemunha ouvida confirmou ter recebido denúncia sobre o ato e foi até o local checar a informação. Chegando lá, foi abordada pelo denunciado, justamente lhe oferecendo os santinhos.

Segundo publicação no diário oficial do TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral) desta terça-feira (13), “o acusado foi interrogado, tendo confessado a prática do delito”. Portanto, após análise, o juiz eleitoral Wilson Leite Corrêa julgou procedente o pedido condenatório impondo seis meses de detenção em regime aberto e multa.  

 

 

Você pode gostar também