Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Com velório marcado, familiares chegam à casa de ex-governador

Ex-governador teria tido complicações cardíacas

O velório do ex-governador de Mato Grosso do Sul Wilson Barbosa Martins deve ser realizado após às 13 horas, no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camilo, no Parque dos Poderes, em Campo Grande. A informação é de Celso Martins, 59 anos, sobrinho de Wilson e que foi secretário de meio ambiente no governo dele.

O ex-governador morreu por volta das 6 horas desta terça-feira (13), aos 100 anos, em casa, onde era assistido por enfermeiros. Segundo o sobrinho, possivelmente, o ex-governador teve complicações cardíacas.

A neta, Fabiana Martins Jallad, contou que a família aguarda a chegada do filho de Wilson, que mora no Rio de Janeiro. Para os familiares, aos 100 anos, o ex-governador “descansou”. “Ele já estava muito idoso e o coração cansou”, disse a neta.

Ainda segundo Fabiana, o ex-governador fazia transfusão constantemente e, apesar de estar ligado a aparelhos, estava lúcido o tempo todo.

No começo desta manhã, os enfermeiros notaram os batimentos estavam elevados e foi acionado o Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Os socorristas tentaram a reanimação, mas o ex-governador foi a óbito.

Morte

O ex-governador de Mato Grosso do Sul, Wilson Barbosa Martins morreu na madrugada desta terça-feira (13), em sua residência, na rua 15 de Novembro, em Campo Grande. Ele estava sob cuidados médicos em casa.

Em junho do ano passado, o ex-governador foi internado no CTI (Centro de Terapia Intensiva) do Proncor, em Campo Grande. Em 2013, ele sofreu um AVC (Acidente Vascular Cerebral) e em 2014, um mal súbito que o deixou internado por 21 dias.

História

Eleito prefeito de Campo Grande na legenda da UDN em outubro de 1958, assumiu a prefeitura em janeiro do ano seguinte. Em outubro de 1962 elegeu-se deputado federal por Mato Grosso, ainda na UDN. Deixando a prefeitura em janeiro de 1963, ocupou a cadeira na Câmara dos Deputados em fevereiro seguinte.

Nas eleições de novembro de 1982 foi eleito governador do estado de Mato Grosso do Sul na legenda do PMDB. No pleito de outubro de 1994 foi novamente eleito governador do Mato Grosso do Sul, na legenda do PMDB, já no primeiro turno e com 41,43% dos votos. Wilson Martins passou o governo para Zeca do PT em 1º de janeiro de 1999.

Você pode gostar também