Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Campo-grandenses lucram com venda de camisetas em ato pró-Bolsonaro

Manifestação acontece na Avenida Afonso Pena, na Capital

Foto: Guilherme Cavalcante

Para todos os gostos e bolsos, camisetas com imagem do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) estão à venda ao longo da Avenida Afonso Pena, onde ato em apoio ao candidato acontece na tarde deste domingo (21).

O Jornal Midiamax conversou com quatro vendedores de camisetas, que custam entre R$ 20 e R$ 40 e têm estampas e cores diversas.

Gerson Victor, de 23 anos, já atua no ramo de comércio de roupas e viu na “onda Bolsonaro” uma chance de ter renda extra. No primeiro turno, Gerson vendeu cerca de 120 camisetas. Para a manifestação de hoje, levou cerca de 300 e já vendeu quase tudo.

“Ficarei aqui até vender tudo, cheguei às 9 horas. Eu mesmo compro o tecido, mando a costureira fazer e aplico a arte”, explica.

Outro vendedor é Rafael de Carvalho, de 55 anos. Ele trabalha no ramo da confecção e também vende camisetas com imagens e frases em apoia ao candidato do PSL por R$ 20.

“Na última carreata eu vendi tudo e me arrependi de não ter trazido mais. Nunca vi na história desse país comprarem camiseta de político. Antes era distribuído, usava uma vez e virava pano de chão. Hoje as pessoas compram para usar”, diz o comerciante que também foi a Maracaju nesta manhã onde vendeu 60 unidades.

O designer René Porfírio, de 41 anos, está vendendo as camisetas pelo dobro do preço dos concorrentes, mas os R$ 40 são justificados pela qualidade superior do algodão. “Montei parceria com meu amigo e já vendemos mais de 60 hoje”, disse.

Uma das consumidoras que já adquiriu uma camiseta neste domingo é a empresária Claudia Soares, de 41 anos. Ela explica que nunca teve interesse na política, mas que decidiu engajar porque Bolsonaro representa alguém que “pode mudar o Brasil”.

Outra que também vende camisetas personalizadas em prol do presidenciável são as empresárias Marcela Barbosa de 27 anos, e Cristine Pilger, 28 anos. Com preços que variam de R$ 20 a R$ 25, as duas venderam mais de  1 mil camisetas durante as eleições.

Só neste domingo, as duas venderam mais de 100 itens. “Não sei dizer o que acontece, já até chegamos a fazer por encomenda para políticos, mas eleitor do Bolsonaro é fora de série, estamos impressionadas ainda”, explica Marcela.

Manifestação

Vários manifestantes fazem carreata em direção aos Altos da avenida, em frente ao Parque das Nações Indígenas, onde está concentrado o movimento, que começou por volta das 15 horas deste domingo. Além do buzinaço, eleitores e cabos eleitorais também fazem adesivagem nos veículos.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...