Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Bolsonaro dispara contra aumento do Supremo e diz que ‘todo mundo vai pagar’

Ministros receberam um reajuste de 16,38%

“Quem vai pagar é toda a população brasileira, quem vai pagar é todo mundo. A minha responsabilidade nessa área começa a partir de 1º de janeiro do ano que vem”, disparou Bolsonaro ao ser questionado por jornalistas em referência ao reajuste para ministros do STF (Supremo Tribunal Federal).

O presidente eleito Jair Bolsonaro está em Brasília nesta terça-feira (27) participando de algumas reuniões com sua equipe de transição de seu governo.

O Poder Judiciário recebeu um reajuste de 16,38% que foi sancionado pelo atual presidente da República, Michel Temer. Para Bolsonaro, toda essa questão deveria ser levantada com o próprio parlamentar. “Pergunta para o Temer. O Temer que decidiu sancionar”.

A sanção de Temer ao reajuste dos salários fez com que o ministro do STF, Luiz Fux revogasse o pagamento do auxílio-moradia autorizadas pelo próprio ministro em outras ocasiões. Em diversas negociações, foi decidido que a saída do auxílio fosse uma concessão ao aumento salarial.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...