Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Após reação contrária à sua postura, Haddad muda de ideia e parabeniza Bolsonaro

Candidato derrotado não chegou a telefonar ao vencedor

O candidato à Presidência Fernando Haddad (PT), derrotado no segundo turno, não ligou para Jair Bolsonaro (PSL), após o resultado das eleições, atitude de praxe entre adversários. Segundo aliados, o candidato não pretende ter contato com o presidente eleito.

Entretanto, o petista, que até então havia decidido não parabenizar o candidato eleito, mudou de ideia e postou nesta segunda-feira (29) em sua conta do Twitter, mensagem de parabéns e boa sorte. Confira:

Sobre manter um diálogo com o eleito, o deputado Paulo Teixeira (PT-SP), que integrou a campanha de Haddad, afirmou que “não tem conversa com quem não é civilizado”. Já o deputado estadual Emídio de Souza, também do PT, justificou a atitude afirmando que Bolsonaro foi “extremamente agressivo” com o adversário.

Os aliados de Haddad afirmaram, ainda, que não haverá questionamento quanto ao resultado das eleições. Entretanto, integrantes da campanha pedem que sejam investigadas as supostas irregularidades por parte da equipe de campanha de Jair Bolsonaro, se referindo a denúncia recente de pagamento por empresas para disseminar notícias contra Haddad e a favor de Bolsonaro.

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...