Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Vereador faz concurso da Câmara para vaga com salário de R$ 1,6 mil

Vereador tem salário bruto de R$ 15 mil

Entre os mais de 18 mil inscritos no concurso público da Câmara Municipal de Campo Grande, um deles é vereador da Capital que concorre a cargo com salário de R$ 1.672,27.

Roberto Santana dos Santos, o Betinho (PRB), é um dos 50 candidatos ao cargo de Técnico em Segurança do Trabalho – atividade apoio administrativo, que neste concurso oferece apenas 1 vaga para nível médio.

Betinho aparece na lista dos inscritos divulgada no mês passado no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) e realiza a prova no campus da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), na tarde deste domingo (17).

A inscrição no concurso foi confirmada pela chefia de gabinete de Betinho, “é verdade, eu sei que ele tinha inscrito, não é um homônimo, é ele mesmo”.

De acordo com o edital do concurso organizado pela Fapec (Fundação de Apoio à Pesquisa, ao Ensino e à Cultura), para assumir a vaga em caso de aprovação, o candidato não poderá exercer cargo público, ou seja, caso Betinho conquiste a vaga, não poderia continuar na Câmara como vereador.  

A assessoria de imprensa da Câmara Municipal afirmou que qualquer pessoa pode se inscrever e participar do concurso. “Não há impedimento quanto a questão legal”, afirmou.

O vereador que se reelegeu nas eleições do ano passado com 3,6 mil votos assumiu cadeira na Câmara em abril de 2015 em vaga deixada por Alceu Bueno. Segundo o Portal da Transparência da Casa de Leis, o salário mensal bruto de Betinho é R$ 15 mil, com os descontos, a remuneração mensal fica em R$ 6,9 mil.

Antes de ingressar no meio político, Betinho atuava como técnico de segurança do trabalho desde 2005, entre as empresas que ele já aturou está a BT Call Center. Ele também atua na diretoria do Sindicato dos Técnicos de Segurança do Trabalho do Estado.

Você pode gostar também