Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Takimoto diz que Nelsinho o convidou para se filiar ao PSD de Marquinhos

Pedetistas descumpriu orientação e pode ser punido

Correndo risco de ser punido pelo diretório regional do PDT, por ter sido favorável ao projeto de reforma da previdência dos servidores estaduais, o deputado estadual George Takimoto revelou que já recebeu convites para mudar de partido.

Takimoto contou que antes da votação da última terça-feira (28), marcada por protestos de servidores e confronto com policiais militares, antes mesmo de proferir seu voto pró-governo, contrariando orientação do PDT, foi convidado a se filiar ao PR, PMDB, DEM e PSD.

O convite para deixar o PDT e ir para o PSD teria sido feito pelo presidente estadual do PTB, Nelsinho Trad, irmão do prefeito da Capital, Marquinhos Trad, um dos principais nomes do PSD em Mato Grosso do Sul.

Apesar de revelar os convites, o deputado afirma que, ao menos por ora, não pretende deixar o PDT. Segundo ele, os pedidos de punição por seu voto favorável à reforma devem ser ‘conversa de militante’.

“O presidente (deputado federal Dagoberto Nogueira, presidente estadual do PDT) não disse nada, se tiver algo a respeito tem que ter reunião do partido para me expulsar”, finalizou George Takimoto. 

Você pode gostar também