Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Com Puccinelli na disputa, DATAmax aponta empate entre Marquinhos e Bernal

Brancos e nulos podem mudar cenário

Se a eleição municipal ocorresse neste momento o deputado estadual Marquinhos Trad (PSD) e o prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP) estariam tecnicamente empatados com 18,53% e 17,66% dos votos, respectivamente, na disputa pelo comando da cidade. A situação seria esta mesmo com a presença do ex-governador do Estado, André Puccinelli (PMDB), que aparece em terceiro lugar com 14,43% da preferência do eleitor, conforme aponta pesquisa do Instituto DATAmax encomendada pelo Jornal Midiamax.

No entanto, dentre os 804 entrevistados na Capital, nulos e brancos somam 18,41% da votação. Sendo que 10,70% não sabem ou não responderam em quem pretendem votar este ano. Juntos os números são suficiente para mudar qualquer cenário eleitoral. Efeito que pode ser reflexo do descontentamento da população com a esfera política em ano de inúmeras operações e crise econômica.

A vice-governadora Rose Modesto (PSDB) aparece em quarto lugar com 10,07%, seguida pelo deputado estadual Coronel David (PSC) com 2,11%, Pedro Pedrossian Filho (PMB) com 1,99% e deputado federal Dagoberto Nogueira (PDT) com 1,62%. O vereador Marcos Alex (PT) detém 1,49% da intenção de votos, Athayde Nery (PPS) 1,24%, Marcelo Bluma (PV) 1%, Renato Gomes (PRP) 0,50% e Haroldo Figueiró (PTN) 0,25%.

Ao todo foram entrevistadas 804 pessoas em Campo Grande e a margem de erro aos percentuais é de 3.5 pontos para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. As sete regiões da cidade foram ouvidas: Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Imbirussu, Lagoa, Prosa e Segredo. A amostragem foi feita entre os dias 25 e 30 de junho com registro no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) no dia 27 do mesmo mês. O número de protocolo é MS-03822/2016.

Pesquisa DATAmax registrada no TRE-MS

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...