Notícias de Mato Grosso do Sul e Campo Grande

Candidatos não temem confronto e preparam propostas para debate do Midiamax

Evento será transmitido ao vivo

O debate do primeiro turno do Jornal Midiamax tem sido visto com grande expectativa não só pelos candidatos a prefeito de Campo Grande, mas também pelo eleitor da Capital, que terá oportunidade de conhecer propostas e ver esclarecimentos  acerca de questões polemicas envolvendo os postulantes ao cargo que hoje é ocupado por Alcides Bernal (PP).

O candidato do PSD, deputado estadual Marquinhos Trad, frisou que o debate é um momento importante para expor à população seu programa de governo.

“Durante toda nossa campanha, seja nas reuniões, programas de radio ou TV, sempre falamos dos problemas e apontamos as soluções, nunca atacamos ninguém, diferente de alguns que falam em mudança, mas utilizam as velhas e sujas táticas eleitoreiras. Não retruco e nem me importo com as baixarias. Minha preocupação é única: recuperar Campo Grande”, destacou.

O atual prefeito informou, por meio de sua assessoria, que vê no debate do Jornal Midiamax um ‘divisor de águas’, que vai mostrar ao eleitor quem está preparado ou não, para governar a cidade pelos próximos quatro anos. Bernal disse estar pronto para responder acusações e ataques, coisa que tem feito desde à ultima campanha e durante sua administração.

Também por meio de sua assessoria, a candidata do PSDB, a vice-governadora Rose Modesto, limitou-se a dizer ‘fará debate com base nas propostas que vêm sendo apresentadas à população de Campo Grande’.

O vereador Alex do PT, candidato do Partido dos Trabalhadores, destacou que sua campanha tem sido feita nas ruas, e revelou que não teme ataques ou acusações, e afirma que durante os quatro mandatos na Câmara da Capital não teve seu nome envolvido em escândalos de corrupção.

“O debate do Midiamax vai acontecer em um momento importante, faltando duas semanas para o eleitor decidir o voto. As pesquisas apontam, em média, cerca de 20% ainda não decidiram em quem vai votar. Nosso propósito é qualificar o debate, com propostas viáveis e concretas. Não são genéricas. Com simplicidade e competência administrativa é possível recuperar o tempo perdido”, frisou o petista.

Já o deputado estadual Coronel David, candidato do PSC, destacou que pretende responder ‘eventuais mentiras’ a seu respeito com ‘mais verdade a respeito deles (concorrentes)’. Ele disse estar preparado para apresentar propostas e soluções para os problemas da Capital.

“A expectativa é conquistar mais pessoas para o nosso projeto e que os eleitores percebam que represento a novidade, a renovação e a diferença que todos querem para ser prefeito de Campo Grande, livre de qualquer grupo econômico, do Governo ou da Prefeitura. Não tendo tais ligações, vou decidir de acordo com os interesses da população e não de grupos econômicos que sempre mandaram e continuam mandando na administração municipal, causando prejuízos à população”, salientou.

Para o candidato do PPS, Athayde Nery, o debate do Midiamax é ‘definitivo’ para escolha do eleitor no dia das eleições. Por meio de sua assessoria, o ex-secretário estadual cultura, destacou que pretende apresentar seu plano de governo pauta ‘na transparência, eficiência, rapidez e participação’. Segundo ele, que prometeu focar em propostas e não falar mal de adversários, a sociedade está descontente com a política e o projeto de seu partido ‘vai de encontro com anseio da população’.

Os demais candidatos que vão participar do debate também foram procurados pela redação para comentar sobre a expectativa para o evento, mas não responderam até o fechamento da matéria. 

Debate

O debate será transmitido na próxima sexta-feira (16), a partir das 21h20, com transmissão online ao vivo na internet, no Facebook, na Radio Difusora, Rádio Educativa, TVE e TV Imaculada Conceição.

O evento contará com participação de 11 dos 14 candidatos que tiveram suas candidaturas deferidas pela Justiça Eleitoral. Com grande antecedência, o Jornal Midiamax convocou representantes de todas os partidos e coligações para definições das regras do debate, e, por determinação e votação unânime, ficou definido a participação de todos que compareceram à reunião.

Ao contrário de outros veículos de comunicação, que limitam a participação no debate a candidatos cujos partidos tenham representação mínima na Câmara dos Deputados, o Jornal Midiamax democratizou a decisão de participação, sendo que os próprios partidos votaram, unânimes, pela participação dos presentes ao encontro.  

Você pode gostar também
Comentários
Carregando...