Condutor que morreu na BR-463 fugia da polícia após desrespeitar ordem

Placas do veículo eram falsas e homem tinha passagem por furto em São Paulo

O homem, ainda sem identificação, que morreu durante um acidente na BR-463 e deixou outras duas pessoas feridas neste sábado (4) entre as cidades de Dourados e Ponta Porã, 225 e 323 quilômetros de distância respectivamente de Campo Grande, estava fugindo de abordagem policial desde o quilômetro 68 da rodovia.

O motorista que conduzia o veículo Toyota Corolla não obedeceu à ordem de parada no posto de fiscalização de rotina e seguiu no sentido de Ponta Porã em alta velocidade até ocasionar o acidente que o vitimou antes mesmo de ser atendido pelo resgate, informa o site Porã News.

Conforme avança o site, as placas do veículo eram falsas e o homem tinha registros de furtos na cidade de Guariba, no interior de São Paulo ainda no início do ano, no último dia 2 de janeiro, tendo indícios de que o veículo também seja da cidade paulistana. A Polícia Civil da cidade investiga o caso e os documentos apreendidos no carro.

A família que estava no veículo Fiat Toro foi encaminhada para o Hospital Regional de Ponta Porã, enquanto o corpo do suspeito foi direto para o IML de Ponta Porã.

A reportagem entrou em contato com o Hospital Regional Dr. Jose de Simone Netto, mas não foi possível identificar as vítimas que foram encaminhadas para o local e o estado de saúde dos mesmos.

Mais notícias