Mulher atropelada por motociclista morre após meia hora de reanimação

Homem que conduzia moto estaria em alta velocidade, segundo testemunhas

A mulher atropelada por um motociclista na Rua José Nogueira Vieira, no Bairro Tiradentes, neste domingo (19), não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) tentaram reanimar a vítima por pelo menos meia hora.

Segundo testemunhas, o motociclista que conduzia uma moto BMW S1000 estaria em alta velocidade e trafegava pela José Nogueira quando, entre as vias do Pistão e do Prato, atingiu a mulher. Inicialmente, a informação era de que ela atravessava junto com outro homem, também atropelado.

Contudo, a segunda vítima, na verdade, estava na porta para entrar em seu carro quando o motociclista, depois de atropelar a mulher, o atingiu. Aparentemente, o homem não está em estado grave, mas teve ferimentos no rosto e está com dores no peito. Já o motociclista foi encaminhado para a Santa Casa.

Abalados, vários familiares da mulher estão no local. Informações apuradas pela reportagem apontam que ela tinha mais de 80 anos.

Depois de atropelar homem e mulher que atravessavam a via, o motociclista ainda atingiu um Toyota Yaris que estava estacionado e parou embaixo do veículo, enquanto a moto, no meio da rua. Corpo de Bombeiros e Samu não revelaram idades nem nomes dos envolvidos. A perícia é aguardada no local.

Mais notícias