Corpos de professora e filhos que morreram em acidente na BR-262 são levados para Porto Murtinho

Nilda e os filhos morreram após uma colisão frontal com carreta

Os corpos da professora Nilda Torales Ferreira, 33 anos, também dos filhos Lucas e Guilherme mortos em um acidente de trânsito na , foram levados para Porto Murtinho, a 454 quilômetros de Campo Grande, onde residem os familiares. Nilda e os filhos morreram após uma colisão frontal com uma carreta na manhã desta quinta-feira (21, próximo ao distrito Garcia em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande..

A prefeitura do município de Porto Murtinho contratou uma funerária de Campo Grande para transladar os corpos, que foram liberados durante a noite, conforme divulgado pelo Hoje Mais. O horário do velório e o sepultamento não foram informados.

O acidente aconteceu na manhã desta quinta, quando a professora seguia sentido a Água Clara. Durante uma tentativa de ultrapassagem, acabou batendo de frente com a carreta, que vinha no sentido contrário.

Com a colisão, as vítimas ficaram presas nas ferragens. Os corpos foram retirados pelo . O motorista da carreta saiu ileso do acidente.

Corpos de professora e filhos que morreram em acidente na BR-262 são levados para Porto Murtinho
Mais notícias