Caminhão passa por cima de motociclista que morre logo após ser socorrida

O acidente aconteceu na frente da UPA Universitário

Ivanilda Pereira da Silva, de 48 anos, faleceu na manhã desta terça-feira (12) após se envolver em um acidente de trânsito na frente da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário. Ela chegou a ser socorrida, mas morreu momentos depois ainda na unidade de saúde.

O irmão da vítima, Anderson da Silva, contou ao Jornal Midiamax que Ivanilda seguia para o trabalho na motocicleta Suzuki Intruder, pela Avenida Gury Marques. Quando chegou na esquina com a Rua Filomena Segundo Nascimento, na frente da UPA do Universitário, ela fez a conversão para entrar naquela rua.

O caminhão baú, um Mercedes-Benz, seguia na mesma direção da vítima e não teria visto a motociclista. Quando ele fez a conversão na Rua Filomena, acabou atingindo a moto e passando por cima das pernas e quadril da motociclista. Ela ficou em estado grave e foi socorrida por equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) que estava na UPA, mas não resistiu aos ferimentos.

A motociclista conduzia a Suzuki quando sofreu o acidente (Foto: Henrique Arakaki, Midiamax)

Ivanilda teve hemorragia interna e o motorista do caminhão permaneceu no local durante todo atendimento, saindo apenas após ser liberado pelos policiais do BPTran (Batalhão de Polícia de Trânsito). Equipe da Perícia também esteve no local e o caso deve ser registrado como homicídio culposo, quando não há intenção, na direção de veículo automotor.

A vítima era funcionária pública e seguia para o trabalho no momento do acidente. Ela deixa três filhos, de 9, 17 e 25 anos.

Mais notícias