Acidente na MS-112 mata três pessoas da mesma família

Tragédia aconteceu em Inocência na MS-240; além dessas mortes, outras cinco pessoas acabaram falecendo nas últimas horas em acidentes nas rodovias do Estado

Um acidente grave na noite deste sábado deixou três vítimas fatais, sendo que todos são da mesma família. O acidente ocorreu por volta das 19h30, na rodovia MS 112, na região de Inocência.


Segundo informações da Polícia Rodoviária Estadual, o acidente ocorreu quando VW/Apollo que era conduzido por Valdir Luiz da Silva, de 44 anos, capotou. Além dele, estavam no carro: Nildete Linhares da Silva, de 39 anos, Maycon Aparecido Alves de 21 anos, Ana Vitória Aparecida da Silva, de 1 ano e 9 meses e Juliana Luiza da Silva, de 21 anos.


Com o capotamento, Nildete (esposa do condutor) e Maycon (genro do condutor) morreram no local; Juliana (filha) acabou morrendo de madrugada no Pronto-Socorro de Inocência. Já o condutor e a sua neta Ana Vitória sofreram ferimentos graves e foram levados para o Hospital


À polícia, o condutor disse que perdeu o controle do veículo, porque teve sua visão ofuscada por um carro que vinha no sentido oposto. Isso fez com que ele saísse foram da pista e e capotasse várias vezes o veículo.


Todas as pessoas envolvidas no acidente eram residentes de uma fazenda Santa Lurdes, localizada na rodovia MS 240.


Outros Casos


 Além desse acidente, outras cinco pessoas morreram em acidentes nas rodovias do Estado. Em Miranda, um capotamento na tarde de ontem por volta das 15h40, deixou duas vítimas fatais.


Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, o acidente aconteceu com uma caminhonete GM/Classic Life, de placas HTD 4372, de Campo Grande, que era conduzida por Daniela Gamarra, de 34 anos. No carro, ainda estavam as passageiras, Eliane Gamarra, de 43 anos; Bianca Gamarra Ferreira, de 13 anos, Silvana Amarilha Gamarra, de 30 anos e Amanda da Costa, de 10 anos.


Com o capotamento, Amanda e Silvana acabaram morrendo, já Daniela sofreu ferimentos leves, enquanto Bianca e Eliane, sofreram lesões graves e foram levadas ao Hospital de Miranda.


Na BR-262, em Ribas do Rio Pardo, por volta da 1h25 de sábado, um homem foi encontrado morto. O rapaz foi atropelado, porém como ele estava sem documentos não foi possível identificá-lo.


No rodoanel, por volta das 19h, nas saídas de Três Lagoas e São Paulo, um motociclista entrou na frente da carreta, de placa IMF-6936 de Coronel Pilar (RS) que não conseguiu frear e colheu a motocicleta. Com a colisão, um motociclista e uma mulher que estava de passageira faleceram.

Mais notícias