Polícia

Trio é detido com quatro armas, munições e 15 quilos de drogas em ‘corre’ do tráfico

A Força Tática da Polícia Militar prendeu na madrugada deste domingo (28), em Campo Grande, dois homens de 25 e 33 anos, por envolvimento com o tráfico de drogas. Com eles foram encontrados aproximadamente 15 quilos de maconha e haxixe, bem como um revólver, uma pistola, espingardas e munições. Um terceiro indivíduo, de 26 anos, […]

Renan Nucci Publicado em 28/02/2021, às 16h54

Armas e drogas apreendidas pela PM. Foto: Divulgação
Armas e drogas apreendidas pela PM. Foto: Divulgação - Armas e drogas apreendidas pela PM. Foto: Divulgação
As quatro armas apreendidas. Foto: Divulgação
As quatro armas apreendidas. Foto: Divulgação

A Força Tática da Polícia Militar prendeu na madrugada deste domingo (28), em Campo Grande, dois homens de 25 e 33 anos, por envolvimento com o tráfico de drogas. Com eles foram encontrados aproximadamente 15 quilos de maconha e haxixe, bem como um revólver, uma pistola, espingardas e munições. Um terceiro indivíduo, de 26 anos, foi detido como suspeito.

Conforme nota, a equipe fazia rondas pela Rua Egeny Maluf Abuhassan, na região da Vila Nasser, quando abordou os ocupantes de um veículo modelo Celta. Inicialmente, foi localizado no interior do veículo alguns tabletes de maconha e haxixe. Ao observarem o porta-malas, os militares encontraram um galão azul com vários tabletes de maconha.

Em seguida, foi encontrado no assoalho um revólver calibre 38 e uma pistola calibre 380 municiados. Questionados, o passageiro afirmou ter pedido uma carona ao amigo motorista e estava transportando a droga. Porém, o motorista alega que não tinha conhecimento dos entorpecentes. Por outro lado, assumiu que as duas armas de fogo eram de sua propriedade.

O motorista admitiu ainda ter mais armas em casa. Além do revólver e pistola, foram encontrados com ele 58 munições calibre 380, 76 munições calibre 22, cinco munições calibre 38, 1 carregador de pistola 380, dois carregadores calibre 22 e mais duas espingardas calibre 22. Durante a entrevista, os dois revelaram o nome de um terceiro envolvido.

Este terceiro indivíduo foi identificado e localizado. Ele alegou que uma quarta pessoa havia lhe solicitado apoio para compra de maconha. Neste sentido, ele ligou para os comparsas que são o passageiro e o condutor do Celta, pedindo o ‘corre’ da entrega dos materiais. Diante dos fatos, o trio foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para esclarecimentos.

Jornal Midiamax