Polícia

Traficantes escondiam munições e mais de 4 toneladas de maconha em mata na fronteira de MS

Por meio de investigações da Polícia Civil e do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), 4.200 quilos de maconha foram apreendidos em uma  clareira aberta em uma mata nas proximidades da BR 267,  na região de Alto Caracol, na fronteira com o Paraguai,  no acesso à fazenda Minas Gerais Quando entraram na mata nesta sexta-feira […]

Marcos Morandi Publicado em 27/02/2021, às 10h17 - Atualizado às 10h36

Esconderijo foi encontrado por agentes do DOF. (Foto: Divulgação)
Esconderijo foi encontrado por agentes do DOF. (Foto: Divulgação) - Esconderijo foi encontrado por agentes do DOF. (Foto: Divulgação)

Por meio de investigações da Polícia Civil e do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), 4.200 quilos de maconha foram apreendidos em uma  clareira aberta em uma mata nas proximidades da BR 267,  na região de Alto Caracol, na fronteira com o Paraguai,  no acesso à fazenda Minas Gerais

Quando entraram na mata nesta sexta-feira (26) os policiais já puderam visualizar algumas picadas e logo depois o local onde a droga estava armazenada em grandes fardos sob uma grande árvore. Além da droga, os agentes encontraram um carregador de fuzil e 12 munições de calibre 556.

Segundo informações do DOF, várias diligências foram feitas, mas nenhum suspeito foi preso, no entanto a investigação para tentar localizar os responsáveis pelo entorpecente continuam.

Tudo que foi encontrado na mata foi encaminhado para Dourados e o carregamento só chegou na sede da Delegacia Especializada em Crimes de Fronteira, por volta da meia noite.

Jornal Midiamax