Polícia

Preso por violência doméstica sai da cadeia e tenta se matar após ver mulher com amante

A Polícia Militar de Naviraí, a 359 quilômetros de Campo Grande, salvou na noite desta terça-feira (19) um homem de 53 anos que tentava suicídio com uma faca, após ter sido preso por violência doméstica e flagrar a mulher com outro. Os fatos ocorreram no residencial Nelson Trad. Inicialmente, a PM foi acionada para atendimento […]

Renan Nucci Publicado em 20/01/2021, às 13h42 - Atualizado às 15h02

PM e bombeiros durante atendimento no local da ocorrência. Foto: Divulgação
PM e bombeiros durante atendimento no local da ocorrência. Foto: Divulgação - PM e bombeiros durante atendimento no local da ocorrência. Foto: Divulgação

A Polícia Militar de Naviraí, a 359 quilômetros de Campo Grande, salvou na noite desta terça-feira (19) um homem de 53 anos que tentava suicídio com uma faca, após ter sido preso por violência doméstica e flagrar a mulher com outro. Os fatos ocorreram no residencial Nelson Trad.

Inicialmente, a PM foi acionada para atendimento de violência familiar e quebra de medida protetiva. As informações eram de que um homem estava armado com faca ameaçando todos no local. Quando os policiais chegaram, viram o homem transtornado.

Ele colocou a faca contra a própria barriga e começou a pressionar o objeto, alegando que iria se matar. Os militares iniciaram diálogo, para evitar que ele cometesse tal ato. Aos poucos o homem foi desistindo e começou a relatar que sofria com a separação.

O casamento havia terminado em agosto do ano passado, quando ele foi preso por violência doméstica. Ele ficou preso por dois meses e quando saiu, reatou com a mulher e voltou a morar com ela. No entanto, por volta das 15 horas desta terça-feira, ele teria flagrado ela em um bar na companhia do suposto amante.

Mesmo assim, foi para a casa e ela só chegou às 18 horas, quando ambos começaram a discutir. O homem afirmou em sua versão que a mulher rasgou as próprias roupas, dizendo que iria acusá-lo de violência doméstica, tendo em vista que ele já havia sido preso por tal motivo. Sendo assim, ele decidiu se matar.

Quando os policiais chegaram no imóvel, era por volta das 18h50. Contudo, só duas horas depois foi que o homem foi convencido a soltar a faca e a se entregar. Ele foi detido, encaminhado para atendimento junto ao Corpo de Bombeiros e posteriormente foi levado à Delegacia de Polícia Civil, para adoção das medidas cabíveis.

Jornal Midiamax