Polícia

Pescadores com 30 kg de pescado são autuados e tem equipamentos apreendidos em Bataguassu

Um dos pescadores, que mora na cidade, chegou a ser preso

Fábio Oruê Publicado em 05/04/2021, às 17h05

Pescado acima do permitido foi apreendido
Pescado acima do permitido foi apreendido - Foto: PMA/ Divulgação

Três pescadores foram autuados e 30 kg de pescado, três veículos e duas embarcações foram apreendidos, durante fiscalização da PMA (Polícia Militar Ambiental), na região do Píer do lago da Usina Sérgio Motta, em Bataguassu. Os policiais estavam no bojo da operação Semana Santa/ Big Fish I/ 2021.

Segundo a corporação, os pescadores são: um operador de máquinas, de 30 anos, residente em Presidente Epitácio (SP), que foi autuado administrativamente e multado em R$ 420 e teve um veículo, uma embarcação e um motor de popa, além de 6 kg de pescado apreendidos por pescar e transportar o produto da pesca sem a licença ambiental; um eletricista industrial, também de 30 anos, residente em Bataguassu, que foi autuado e multado em R$ 320 também por exercer a pesca sem autorização do órgão ambiental e teve o veículo e 1 kg de pescado apreendidos. A pesca sem licença não é crime.

Por crime ambiental, um barbeiro, de 29, de Bataguassu, foi autuado pelo transporte de 23 kg de piau-três-pintas. O pescado estava em quantidade superior à permitida pelo órgão ambiental, que no caso da pesca no reservatório da Usina Sérgio Motta é de 10 kg mais um exemplar. Ele teve o pescado, o veículo, a embarcação e um motor de popa apreendidos. O infrator recebeu voz e prisão e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Bataguassu e responderá pelo crime, cuja pena é de um a três anos de detenção. O pescador também foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 1.160,00.

Jornal Midiamax