Polícia

Morador em MS que criava quati em cativeiro após mãe do animal ser atropelada é multado

Na quinta-feira (25), morador em Dourados, cidade que fica a 225 quilômetros de Campo Grande, acabou multado e autuado por manter um quati em cativeiro. O homem de 44 anos alegou que recolheu o quati ainda filhote há três anos, após encontrar o animal ao lado da mãe atropelada. Segundo a PMA (Polícia Militar Ambiental), […]

Renata Portela Publicado em 26/03/2021, às 13h46

Animal foi apreendido (Foto: PMA)
Animal foi apreendido (Foto: PMA) - Animal foi apreendido (Foto: PMA)

Na quinta-feira (25), morador em Dourados, cidade que fica a 225 quilômetros de Campo Grande, acabou multado e autuado por manter um quati em cativeiro. O homem de 44 anos alegou que recolheu o quati ainda filhote há três anos, após encontrar o animal ao lado da mãe atropelada.

Segundo a PMA (Polícia Militar Ambiental), equipe foi acionada pela Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira) para ir até a casa do suspeito. No local, identificaram que o morador mantinha o quati, que é animal silvestre, em cativeiro de forma ilegal.

O morador contou que encontrou o quati ainda filhote, em 2018, ao lado da mãe que tinha sido atropelada. Assim, ele recolheu e criou o animal. O animal silvestre foi apreendido e o suspeito vai responder por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.

Ele também foi autuado e multado em R$ 500. O quati será encaminhado ao Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres) em Campo Grande.

Jornal Midiamax