Polícia

Homem descobre que comprou carro roubado ao fazer vistoria para transferência

Documentos entregues pelo vendedor eram falsos e havia registro de roubo em São Paulo

Danielle Errobidarte Publicado em 08/04/2021, às 16h45

Carro foi encaminhado para perícia na Defurv.
Carro foi encaminhado para perícia na Defurv. - (Foto: Divulgação/ Defurv)

Ao levar o carro Hyundai Creta, que havia comprado por R$ 68 mil, para realizar vistoria nesta quinta-feira (8), um homem descobriu que se tratava de veículo roubado na cidade de São Paulo. Vítima de estelionato, a Polícia Civil, por meio da Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos) da Capital, foi acionada pela empresa terceirizada de vistoria para auxiliá-los.

Inicialmente, os policiais foram avisados de que o carro tinha sido reprovado por apresentar sinais de adulteração. Ao chegar no local, a equipe da Defurv constatou que, na verdade, se tratava de um veículo roubado no dia 25 de fevereiro desse ano, na cidade de São Paulo, e o proprietário havia feito boletim de ocorrência no interior do estado, em Pirituba-SP.

O homem que apresentou o veículo para a vistoriadora alegou ter pago R$ 68 mil, e que lhe foram entregues documentos falsos para a transferência, - CRV (Certificado de Registro de Veículo) e vistoria cautelar - suspostamente realizados na capital paulista.

A vítima foi encaminhada à Defurv e o veículo passará por perícia criminal, além dos documentos apresentados pelo homem.

Jornal Midiamax