Polícia

Fazendeira é multada em R$ 16,5 mil por desmatamento ilegal de vegetação

Diego Alves Publicado em 08/04/2021, às 21h04

Divulgação, PMA
Divulgação, PMA
A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Amambai autuou uma fazendeira em R$ 16,5 mil por desmatamento ilegal de vegetação de bioma protegido para plantio de lavoura e enterrar a madeira.
A proprietária de uma fazenda, de 62 anos, no município de Amambai, foi autuada administrativamente e multada em R$ 16, 5 mil por infração ambiental de desmatamento de vegetação de bioma protegido, quando Policiais Militares Ambientais de Amambai realizaram fiscalização ambiental em sua fazenda, localizada a 20 km da cidade.
A dona da fazenda desmatou uma área de vegetação nativa de 3 hectares de área de Mata Atlântica, bioma protegido por lei, sem licença do órgão ambiental para o plantio de lavoura. Segundo a fazendeira, a madeira proveniente do desmatamento havia sido enterrada no local da derrubada. As atividades foram interditadas.
A infratora responderá por crime ambiental. A pena é de um a três anos de detenção, agravada pelo fato de ter ocorrido em bioma protegido. Ela também foi notificada a apresentar Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental

Jornal Midiamax