Polícia

Estelionatários ‘criam’ vaga de emprego em empresa para roubar dados pessoais

A empresa RBL Transportes Rodoviários foi alvo de estelionatários, que se passavam por funcionários para ‘recrutar’ novas contratações. Porém, a empresa não está com vagas de emprego abertas e os supostos colaboradores coletam dados pessoas das vítimas. Segundo nota divulgada pela RBL, alguém publicou no site da OLX, ofertas de vagas de emprego para diversas […]

Fábio Oruê Publicado em 29/03/2021, às 19h09 - Atualizado às 19h16

None

A empresa RBL Transportes Rodoviários foi alvo de estelionatários, que se passavam por funcionários para ‘recrutar’ novas contratações. Porém, a empresa não está com vagas de emprego abertas e os supostos colaboradores coletam dados pessoas das vítimas.

Segundo nota divulgada pela RBL, alguém publicou no site da OLX, ofertas de vagas de emprego para diversas funções usando o nome da empresa e solicitou currículo, documentos pessoais e até a identificação digital por meio de foto. Muitas pessoas, na esperança de conseguir uma oportunidade, entraram em contato com o número publicado.

Estelionatários 'criam' vaga de emprego em empresa para roubar dados pessoais
(Foto: Divulgação)

Entretanto, o contato disponibilizado não é da empresa. “Algumas pessoas nos ligaram para saber mais informações sobre as vagas, alegando que seguiram todas as orientações e não obtiveram resposta. A partir disso, tivemos conhecimento do ocorrido e começamos a tomas as providencias para verificar a procedência”, diz a nota.

Os estelionatários, que se passam por recrutadores, atendem pelo nome de Ana Clara e Adriano. A RBL informou que não possui funcionários com esses nomes no quadro. Boletim de ocorrência foi registrado na Devir (Delegacia Virtual de MS) e o anúncio na OLX foi excluído.

A empresa informou que realiza a seleção de vagas emprego de forma presencial, sendo que o contato é feito pela equipe de Departamento Pessoal diretamente com os candidatos, e que os documentos são solicitados somente na confirmação da contratação.

Jornal Midiamax