Com base na fronteira de MS, Brasil e Paraguai avançam sobre plantações de maconha

Operação conjunta teve início na manhã desta de terça feira na fronteira com o Mato Grosso do Sul

A apreensão de 30,2 toneladas de maconha em uma propriedade rural de Capitan Bado, nesta terça-feira (23), na fronteira com com Coronel Sapucai, em , já é resultado da base montada por agentes e também da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas).

As movimentações, que têm como foco plantações de maconha em solo paraguaio, faz parte da Operação Nova Aliança XXIV, contam com uma Conjunta e 4 helicópteros da do Brasil.

O centro de operações foi instalado na zona do Capitão Bado, a partir da qual serão efetuadas as incursões contínuas, durante, pelo menos, 15 dias, com o objetivo de impactar negativamente a produção e o tráfico de maconha na região, destruindo plantações e campos de drogas.

Além destruir lavouras responsáveis pelo abastecimento dos mercados nacionais, tanto no Brasil quanto no , a nova edição de operações conjuntas no âmbito de um acordo de cooperação, abrange, ainda, o combate ao crime organizado em várias frentes.

Com base na fronteira de MS, Brasil e Paraguai avançam sobre plantações de maconha
Mais notícias