Com ajuda de cães farejadores, PM prende 2 traficantes e localiza depósito de drogas

Prejuízo ao crime organizado foi de mais de R$ 224 mil

O da prendeu na noite de terça-feira (12), no terminal rodoviário de Campo Grande, na , duas mulheres por tráfico de drogas. A ação foi realizada com apoio de cães farejadores e resultou na localização de um depósito com entorpecentes na Vila Palmira. Ao todo, foram mais de R$ 224 mil de prejuízo ao crime organizado.

Conforme apurado, em conjunto com a Guarda Civil Metropolitana, os policiais abordaram as mulheres que aguardavam na fila de embarque de um ônibus que sairia da Capital rumo a (GO). Os cães detectaram presença de drogas e, com uma delas, de 19 anos, natural do Mato Grosso, foi encontrada uma mala com 54 pacotes de skank, pesando 13,4 quilos.

Com a outra mulher, de 23 anos, também moradora no estado vizinho, havia uma mala com 65 pacotes de skank, com peso total de 16,2 quilos. Elas foram presas e confessaram que estavam viajando juntas. Além disso, alegaram que chegaram a Campo Grande pegando carona com caminhoneiros e que haviam acabado de desembarcar. Elas apenas receberam o entorpecente e já se preparam para viajar.

Cada uma receberia R$ 2,5 mil pelo transporte. No entanto, a equipe foi constatando que as versões delas eram conflitantes e continuaram com a entrevista, até que confessaram que haviam retirado a droga de uma casa na Vila Palmira. Lá foram localizados três malas com 36 tabletes grandes maconha, 21 tabletes menores da droga, 22 tabletes de e 63 pacotes de skank, totalizando 142 volumes com 36,8 quilos.

Com ajuda de cães farejadores, PM prende 2 traficantes e localiza depósito de drogas
Mais notícias