‘Você é minha e eu sou seu dono’, filha salva mãe de ser agredida por marido

Vítima contou na delegacia que já foi agredida em outras ocasiões pelo marido

Na noite desta quarta-feira (5), uma mulher de 62 anos foi salva pela filha de 27 anos de ser agredida novamente pelo marido de 76 anos, em Campo Grande, no bairro Jardim Campo Alto.

A mulher ligou para a filha por volta das 21 horas desta quarta (5) quando o marido a estava insultando e tentando agredi-la. Quando o autor ia bater na vítima, a filha chegou na residência e impediu o ato. Ele ainda teria ameaçado a jovem dizendo, “você não manda aqui, eu não bati nela ainda, mas está merecendo apanhar”.

A vítima foi levada pela filha até a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) e lá ela contou que o marido sempre a agredia e que na noite desta quarta (5), ele teria dito a ela, “Você é minha e eu sou seu dono, enquanto tiver meu nome de casamento vai ter de me obedecer”.

Ainda segundo a mulher, ele fez outras ameaças, “Se você chamar a polícia vai se pior, se te pegar na rua te mato”. A vítima não teria registrado anteriormente ocorrências contra ele por medo. A mulher pediu por medidas protetivas contra o marido.

‘Você é minha e eu sou seu dono’, filha salva mãe de ser agredida por marido
Mais notícias