VÍDEO: Mulher com coronavírus que furou quarentena é obrigada a colocar tornozeleira em MS

Depois de furar a quarentena, a polícia ficou em frente a casa da mulher

A mulher diagnosticada com coronavírus em Ponta Porã a 346 quilômetros de Campo Grande, que furou a quarentena foi obrigada nesta terça-feira (19) a colocar a tornozeleira eletrônica determinada pela Justiça. Na noite desta segunda-feira (18), a polícia ficou monitorando a sua residência.

Nesta terça (18), os agentes foram até a casa da mulher para colocar a tornozeleira por onde ela será monitorada. Ela deverá ficar em casa após ter descumprido as medidas sanitárias preventivas no fim de semana. A decisão é do juiz Marcelo Guimarães Marques, da 2ª Vara Criminal da Ponta Porã.

A mulher foi denunciada no fim de semana pela prefeitura de Ponta Porã, e notificada na tarde de sábado (16) pelo secretário de Saúde do município, Patrick Derzi. Ela tinha ido até um posto de saúde exigindo atendimento presencial, embora tenha sido determinado de acordo com o protocolo para a que ela seria acompanhada por telefone e redes sociais.

Após o secretário e os policiais civis deixarem a casa da mulher, ela saiu novamente voltando só a noite para sua residência. A mulher poderá responder judicialmente por colocar em risco a vida e outrem e pela infração da medida sanitária.

VÍDEO: Mulher com coronavírus que furou quarentena é obrigada a colocar tornozeleira em MS
Mais notícias