VÍDEO: Em surto, homem mantém tia e mãe em cárcere e faz vídeo dizendo que haverá mortes

Ele foi contido pela PM e bombeiros e encaminhado para atendimento médico

Rapaz de 23 anos foi socorrido pelo , na tarde desta segunda-feira (03), no bairro Coronel Antonino, em Campo Grande, depois de manter a mãe e a tia em cárcere privado durante surto. Ele fez vídeos pelo celular e encaminhou aos familiares, dizendo que haveria mortes. 

No entanto, após 1 hora de negociação com a que também foi acionada, ele foi encaminhado para atendimento médico e ninguém se feriu. Conforme apurado, por conta dos vídeos, os familiares acionaram a PM, pois tinham medo de que ele tentasse algo contra a vida das duas mulheres.

De acordo com o tenente Edson Yamamoto, duas equipes da PM e três viaturas do se deslocaram para atendimento.

Inicialmente, houve tentativa de contato, mas o rapaz não respondia. Por este motivo, os policiais arrombaram o portão e entraram na residência. Ao perceber a aproximação policial, o morador desistiu da ação e foi detido, sendo encaminhado à UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do bairro.

Não foram divulgados os motivos do surto, mas a família suspeita de consumo de drogas. Já os militares não descartam que ele seja esquizofrênico. No domingo, ele saiu de casa e correu por 15 quilômetros sozinho, sem a menor explicação.

VÍDEO: Em surto, homem mantém tia e mãe em cárcere e faz vídeo dizendo que haverá mortes
Mais notícias