Vendedora de roupas é agredida em mercado ao cobrar dívida de R$ 400

Funcionário do estabelecimento teve que separar a confusão

Vendedora de roupas de 35 anos procurou a Polícia Civil na tarde desta terça-feira, depois de ser agredida por outra mulher ao cobrar uma dívida de R$ 400 na região do Jardim Aeroporto, em Campo Grande. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa na 7ª Delegacia.

Conforme boletim de ocorrência, a vítima fazia compras em um supermercado, quando se deparou com a autora. Na oportunidade, aproveitou para questioná-la a respeito de uma compra que a autora havia feito e ainda não tinha acertado, momento que começou uma discussão.

A agressora, visivelmente alterada, acertou o rosto da vítima com capacete de bicicleta e ainda deu vários arranhões e puxões de cabelo. A vítima teve que usar força para se defender até que um funcionário apartasse a confusão. Ferida no rosto, pescoço e boca, a vendedora relatou o caso à polícia.

 

Vendedora de roupas é agredida em mercado ao cobrar dívida de R$ 400
Mais notícias