Traficante que vendia maconha no WhatsApp é preso após postar foto do ‘produto’

Vendia cada tablete de R$ 400 a R$ 500

Um traficante de 18 anos acabou preso na noite desta quarta-feira (1º), em Campo Grande, no Jardim São Conrado depois de ser descoberto que ele vendia drogas pelo aplicativo WhatsApp, pelo valor de até R$ 500.

A Polícia Militar recebeu informações da Agência Local de Inteligência de que o traficante estaria na rua Major Juarez Lucas de Jesus, e que seria loiro, de olhos azuis e 18 anos, vendendo maconha na região. Ele havia postado nos status do WhatsApp uma foto segurando um tablete de maconha. Quando os policiais chegaram ao local por volta das 18 horas se depararam com o rapaz que estava com um grupo de homens.

Ele apresentou nervosismo com a presença policial. Os militares solicitaram o celular dele e puderam constatar a foto em que o traficante havia postado segurando um tablete de maconha. Ele confessou que na casa de um amigo havia escondido mais drogas. Os policiais foram até a residência e encontraram mais tabletes de maconha. O traficante disse aos militares que revendia cada tablete de R$ 400 a R$ 500. Mas, não falou quem fornecia a droga para ele. O autor foi levado para a delegacia e autuado por tráfico de drogas.

Traficante que vendia maconha no WhatsApp é preso após postar foto do 'produto'
Mais notícias