Suspeito de estupro, integrante do PCC é preso por passar a mão em jovem

Caso aconteceu durante uma festa na madrugada desta segunda-feira

A Polícia Militar prendeu na madrugada desta segunda-feira (24), em Ponta Porã, suposto integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital), de 18 anos, por importunação sexual. Durante festa realizada no centro da cidade, ele passou a mão em uma jovem de 20. No local, testemunhas informaram que o rapaz é suspeito de estuprar uma adolescente.

Conforme boletim de ocorrência, a jovem de 20 anos relatou que durante a festa, foi até um bebedouro que fica aos fundos. Ao se curvar ´para beber água, sentiu alguém lhe tocando e até imaginou que fosse o namorado. No entanto, ao se virar, percebeu que era um desconhecido. Assustada, ela voltou rapidamente para o meio da multidão e informou seguranças sobre o ocorrido.

Ao ser abordado, o rapaz disse que era do PCC e que não iria dar em nada. Foi preciso uso da força para contê-lo e, um PM que estava no local, ajudou a imobilizá-lo. Uma testemunha disse aos policiais que o rapaz teria estuprado sua filha de 15 anos, no ano passado. Após se relacionar com ele, a menina mudou o comportamento.

O rapaz morava sozinho e, supostamente, teria obrigado a vítima a visitá-lo, oportunidade em que pode ter abusado dela. A mudança no comportamento da garota, que agora passa por atendimento psiquiátrico, bem como mensagens ameaçadoras enviadas por ele ao celular dela, reforçam tal suspeita. O indivíduo foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil.

Suspeito de estupro, integrante do PCC é preso por passar a mão em jovem
Mais notícias