Servidores suspeitos de desvio e alvo em operação do Gaeco serão afastados, segundo prefeitura

Estavam sendo investigados por desvios de combustíveis na prefeitura de Navirai

Em nota a prefeitura da cidade de Navirai, a 359 quilômetros de Campo Grande, afirmou que os três servidores alvos da Operação Destilação Fracionada, deflagrada pelo (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), nesta quarta-feira (16) serão afastados.

Ainda segundo a nota, a prefeitura havia detectado no dia 31 de março deste ano irregularidades na aquisição de combustível por cartões genéricos, o que foi apresentado ao Ministério Público Estadual para a instauração de um procedimento investigatório. De acordo com a nota, a prefeitura possui a ata de registro de preços de janeiro deste ano para o fornecimento de combustível.

Segundo informações a suposta aquisição de combustível aconteceu com uso de cartão genérico reiteradas vezes. Três servidores serão afastados. A operação cumpriu sete mandados de busca e apreensão. Foram feitas buscas e apreensões em residências e locais de trabalho dos investigados, a Justiça ainda determinou o afastamento do cargo de três servidores públicos municipais investigados pelo Ministério Público do Estado. Não foi revelado o valor desviado.

Servidores suspeitos de desvio e alvo em operação do Gaeco serão afastados, segundo prefeitura
Mais notícias