Preso por estuprar a filha de 14 anos no dia do aniversário cometia crime há 3 anos

Ele ainda teria mais 13 filhos que moram em outra cidade

Na quinta-feira (30), pedreiro de 41 anos foi preso por estupro de vulnerável, crime que cometeu contra a própria filha de 14 anos em Três Lagoas, cidade distante 338 quilômetros de Campo Grande. Ele já estaria praticando o ato há pelo menos três anos.

As denúncias chegaram ao Conselho Tutelar da cidade, que acionou a Polícia Militar. O homem foi detido e encaminhado para a DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher), onde prestou esclarecimentos para a delegada.

Segundo o site Rádio Caçula, ele chegou a dizer que no dia do aniversário da vítima, ele teria introduzido o dedo no órgão genital da filha, “para verificar se ela ainda era virgem”. A polícia apurou que ele estuprava a menina desde que ela tinha 11 anos.

Ele é pai de outros 13 filhos, sendo que a maioria não tem contato com ele e mora em outro município. O caso segue em investigação e a menina deve ser submetida a exames e também prestará depoimento especial.

Mais notícias