Polícia recaptura 2º preso que fugiu de penitenciária no Paraguai

Brasileiro foi o primeiro recapturado dos 75 integrantes do PCC que fugiram do presídio

O brasileiro Eduardo Alves da Cruz foi o primeiro recapturado dos 75 presos integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital) que fugiram da penitenciária de Pedro Juan Caballero, no . Conforme agencias de noticias paraguaias, outro fugitivo foi recapturado na tarde desta segunda-feira (20).

Eduardo Alves foi encontrado por policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) na manhã desta segunda, no Assentamento Itamarati, distante cerca de 50 quilômetros de Ponta Porã. Ele estava nervoso durante a abordagem, conforme informou o ABC Color. Eduardo Alves da Cruz cumpre pena de morte por tráfico de drogas.

Nesta tarde, investigadores do departamento de Amambay, no , recapturaram o segundo fugitivo, identificado como Sabio Dario González Figueredo.

Em sua rede social, o Ministério Público do Paraguai publicou algumas fotografias já liberadas para que as pessoas pudessem reconhecer parte dos membros do PCC. “Fotografia e identidade das pessoas foragidas do PJC. Qualquer informação comunicar a Polícia de Crime Organizado, Fiscalização de Crime Organizado e Fiscalização de Narcotráfico”.

O Ministério Público também divulgou as primeiras fotos dos brasileiros que fazem parte do grupo que conseguiu fugir do presídio. Para ter acesso a todas as fotos, o Governo criou um documento com todas as fotos e os nomes, basta clicar aqui.

Fuga

Por volta das 5 horas da madrugada deste domingo, 75 detentos, membros do PCC, teriam fugido através de um túnel escavado de dentro da unidade até o lado de fora. Mais de 70 metros escavados, mais de 200 sacos de areia deixados em uma das celas da penitenciária e o fator mais questionado foi se nenhum agente penitenciário viu a fuga ou mesmo a escavação ou sequer suspeitou.

Polícia recaptura 2º preso que fugiu de penitenciária no Paraguai
Mais notícias