Polícia estoura QG do PCC e encontra drogas, granadas e munições

10 pessoas foram presas e um caderno com anotações da movimentação financeira da facção foi apreendido

Na manhã deste sábado (29), um QG da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) foi estourado pela polícia paraguaia, em Capitan Bado próximo a Coronel Sapucaia, a 380 quilômetros de Campo Grande. 10 pessoas foram presas, entre elas oito brasileiros.

A ação teve a participação de promotores sendo que três casas foram alvos dos policiais. Em um dos endereços foram encontrados 250 quilos de maconha e 10 veículos, sendo dois carros de luxo. Na residência, os policiais ainda encontraram várias munições, pistolas, carregadores, coletes à prova de balas e uma granada com o símbolo da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte).

Ao todo 10 pessoas foram presas, sendo oito brasileiros integrantes da facção criminosa. Ainda foi localizado um caderno com anotações da movimentação financeira do PCC, segundo o MS em Foco. Os aparelhos celulares apreendidos devem passar por perícia. Os brasileiros devem ser expulsos do país.

Polícia estoura QG do PCC e encontra drogas, granadas e munições
Mais notícias