Polícia destrói nova roça de maconha na fronteira com MS

Apesar da logística encontrada no local, nenhuma pessoa foi presa

Autoridades paraguaias continuam com as operações para destruir plantações e estruturas de produção de maconha na região de fronteira com o Mato Grosso do Sul. Desta vez o alvo foi uma propriedade rural localizada em Bella Vista Norte ao lado de Bela Vista,  no Mato Grosso do Sul.

Durante a operação, 10 hectares da droga foram encontrados e exterminados.  O plantio foi descoberto por agentes da Polícia Nacional do Paraguai, que chegaram no local e encontraram a maconha colhida e preparada para ser prensada e depois enviada para a comercialização.

Um acampamento que ficava ao lado de uma área indígena, que era usado pelas pessoas envolvidas na atividade criminosa foi destruído. Ele podia abrigar até 15 pessoas e contava com um gerador de energia.

Além da maconha que seria colhida foram apreendidos 1.870 quilos de maconha picada, 30 quilos de semente de maconha, utensílios e equipamentos agrícolas e duas motos. Apesar de toda logística, nenhuma pessoa foi encontrada no local.

O chefe da Divisão Antinarcóticos da Polícia Nacional em Pedro Juan Caballero, Rafael Sánches, acredita que os traficantes tenham sido avisados por “olheiros” da aproximação dos policiais e fugiram antes da chegada dos agentes.

Todo o material e a droga encontrada no local foram queimados e agora a investigação vai continuar para descobrir quem é o responsável pela propriedade rural.

Polícia destrói nova roça de maconha na fronteira com MS
Mais notícias