Polícia desmonta cativeiro, resgata pecuarista e prende dois sequestradores

Os trabalhos continuam na tentativa de localizar mais envolvidos

Ação conjunta entre a Polícia Civil de Costa Rica e a de Paranaíba, com apoio da Polícia Militar, desmontou cativeiro onde o pecuarista de 40 anos sequestrado na madrugada desta quinta-feira (02), era mantido como refém. A vítima foi resgatada, dois suspeitos foram presos e um revólver foi apreendido. Os trabalhos continuam na tentativa de localizar mais envolvidos.

De acordo com o delegado Alexandro Mendes de Araújo, da Delegacia de Costa Rica e responsável pelas investigações, a vítima saiu do município nesta madrugada com destino à Paraíba, onde iria avaliar um rebanho com supostos produtores que havia conhecido pela internet. “Na verdade, tudo não passava de um golpe para atrair a vítima, rendê-la e extorquir grande soma de dinheiro da família”, disse.

Após receber o primeiro contato por parte da quadrilha, a família acionou a polícia que deu início às buscas. As equipes trocaram informações e no início da tarde conseguiram prender dois envolvidos. As circunstâncias e o local da prisão ainda não foram divulgados. A vítima foi agredida com coronhadas e teve a caminhonete roubada. “Os trabalhos policiais seguem com o objetivo de localizar e prender os demais”.

O delegado ainda lembrou que o sucesso da ação foi resultado da colaboração dos familiares, que seguiram rigorosamente as orientações policiais, e da integração entre as equipes envolvidas. Ele ainda deixou um recado: “Recomendamos extrema cautela nas transações contratuais de compra e venda, por meio da internet. A web é terra fértil para quadrilhas de estelionatários e sequestradores. Qualquer situação suspeita deve ser levada imediatamente ao conhecimento da Polícia”.

Mais notícias