‘Pelé’ quebrou tornozeleira para ajudar irmãos em roubos a farmácias e Subway

Foram presos por policiais do Batalhão de Choque no bairro Aero Rancho

Tiago de Oliveira de 20 anos, conhecido como ‘Pelé’ estava cumprindo pena em regime domiciliar sendo monitorado por tornozeleira eletrônica até ser preso na madrugada desta quarta-feira (3), no bairro Aero Rancho, após o roubo de uma farmácia no Residencial Buriti, em Campo Grande.

Ele estava cumprindo pena domiciliar até que no dia 22 de maio rompeu a tornozeleira eletrônica e passou a fazer roubos na Capital. Ele foi preso junto de Cláudio Agenor Pereira de 21 anos, pintor e de seu irmão Edinaldo Alves Pereira Júnior. Os três seriam especialistas em roubos a farmácias e lojas da Subway.

Em depoimento Cláudio disse ter sido convidado para fazer este assalto na farmácia por ‘Pelé’ e junto de seu irmão teria aceitado por estar precisando de dinheiro, sendo que cada um depois do rateio do roubo a farmácia ficou com R$ 706.  O notebook levado do local teria sido vendido pelo Facebook a uma pessoa desconhecida.

Roubo a farmácia aconteceu por volta das 19h40 da noite de terça (2), quando os ladrões que estavam de máscaras prestas e armados invadiram a farmácia exigindo o cofre. Do caixa, eles levaram R$ 2.333 além de dois celulares, três aparelhos de aferir pressão, notebook. Ainda foi levado da farmácia 17 caixas de remédios e também caixas de vitamina C.

No dia 26 de maio, o trio roubou uma Subway na Rua Joaquim Manoel de Souza, na Vila Olinda, mas na fuga esqueceram um carregador de pistola .45. Na lanchonete o funcionário estava sozinho quando foi surpreendido pela dupla armada. Eles levaram aproximadamente R$ 2 mil do caixa, além das imagens das câmeras de segurança do local.

'Pelé’ quebrou tornozeleira para ajudar irmãos em roubos a farmácias e Subway
Mais notícias