Operação Covid-19 abordou e levou 74 moradores em situação de rua para abrigos

Equipes fizeram a ação na região central de Campo Grande

Na noite de quarta-feira (25), equipes de Segurança Pública e da Saúde fizeram uma ação de orientação e recolhimento de pessoas que vivem em situação de rua em Campo Grande. Denominada Operação Covid-19, a ação foi realizada na região central da cidade, onde há maior concentração de pessoas que vivem nestas condições.

(Divulgação, PM)

A operação foi feita para orientar as pessoas quanto ao avanço e enfrentamento ao Covid-19, o coronavírus, também como se prevenir do vírus e ainda sobre o decreto referente ao toque de recolher, que proíbe a circulação de pessoas das 22 horas até as 5 horas do dia seguinte. Além disso foi falado sobre o encaminhamento voluntário, onde os populares serão acomodados sem aglomeração, em locais onde terão acesso a vestiários e banheiros, evitando serem contaminados ou também transmissores do vírus.

Ao todo foram 74 pessoas abordadas, submetidas à triagem pelo médico da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) e divididas em grupos para encaminhamento. Foram dois levados para recolhimento familiar, 21 para a Clínica das Almas na saída para Três Lagoas e 51 ao Centro de Acolhimento na Escola Plínio Barbosa Martins, no Macaúba.

Atuaram na ação Polícia Militar do 1º Batalhão, policiais do Batalhão do Choque com os cães, Gecam (Grupamento Especializado Com Apoio de Motocicletas), GCM (Guarda Civil Municipal), Sesau e Seas (Serviço Especializado em Abordagem Social).

Mais notícias