Mulher espancada e mantida em cárcere pelo marido abre buraco na parede para fugir

Ela foi trancada com os filhos pequenos na residência

No fim da manhã de quarta-feira (1º), moradora em Eldorado, cidade distante 440 quilômetros de Campo Grande, foi espancada e mantida em cárcere privado pelo marido. A mulher, de 26 anos, conseguiu fugir fazendo um buraco na parede da casa e denunciou o rapaz de 25 anos.

Segundo as informações da polícia, o casal é morador na aldeia Cerrito e a mulher estava em casa com os filhos pequenos quando o marido chegou, por volta das 11 horas, embriagado. Ele começou a agredir a mulher com socos e pauladas, a levou para fora da residência e continuou agredindo a vítima.

A mulher tentou se defender, falou para eles conversarem, mas o rapaz alegou que tinha colocado alguém para seguir a mulher e que ela estava traindo ele. A vítima negou os fatos, mas foi trancada dentro da própria casa com os filhos e o marido saiu. Ela conseguiu fazer um buraco na parede da casa, que é feita de madeira de coqueiros, e fugiu para a casa de uma familiar.

A vítima conseguiu procurar a delegacia do município depois de ir ao hospital por conta das dores que sentia das agressões. Ela relatou que não era a primeira vez que apanhava do marido, mas tinha medo de denunciar. Foi feito pedido de medida protetiva e o rapaz é procurado pela polícia e responderá por lesão corporal dolosa, qualificada por violência doméstica, e cárcere privado.

Mulher espancada e mantida em cárcere pelo marido abre buraco na parede para fugir
Mais notícias