Motorista bêbado que xingou PMs também ‘deu show’ em delegacia após prisão

Ele estava alterado e se negou a assinar os documentos

Preso na noite da última sexta-feira (1º) após xingar policiais militares durante a Operação , motorista de 48 anos ainda se exaltou na delegacia. Homem de 48 anos, ele estava visivelmente embriagado segundo os policiais e se negou a assinar os documentos.

Conforme apurado pelo Midiamax, já na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol, o homem se negou a prestar depoimento. Assim, garantiu o direito de falar apenas na presença da autoridade judiciária. No entanto, estava bastante exaltado e nervoso e se negou a assinar os procedimentos cartorários.

Por isso, investigadores da Depac precisaram assinar os documentos como testemunhas instrumentárias de leitura. Preso por dirigir embriagado, desacato, desobediência e direção perigosa, o homem passa nesta segunda-feira (3) pela audiência de custódia.

Entenda o caso

Segundo o registro da ocorrência, equipe da fazia a Operação na Vila Morumbi quando o motorista passou do outro lado da via no Corolla. Assim, ele colocou a cabeça para fora do carro e gritou “Cambada de cornos”, arrancando com o carro em seguida.

Com isso, foi feito acompanhamento tático, mas o condutor não parou para a abordagem. Inclusive, ele tentou atingir os policiais que estavam de motocicleta com o carro e estes revidaram, atirando no pneu do veículo.

Por fim o homem conseguiu chegar em casa e tentava fechar o portão, ainda xingando os militares. Mesmo assim, foi chamado o oficial ronda e a equipe entrou na casa, quando o autor ligou para o 190, anunciando que a PM estava entrando na residência. Além disso, ofendeu novamente os policiais, os chamando de analfabetos.

Apesar da fuga e do tumulto, o homem acabou preso em flagrante.

Motorista bêbado que xingou PMs também ‘deu show’ em delegacia após prisão
Mais notícias