Mesmo sem fazer compras, mulher recebe fatura de R$ 800 do cartão e procura a polícia

Caso foi registrado como estelionato

Uma mulher de 30 anos procurou a delegacia de Polícia Civil em Aparecida do Taboado, a 457 quilômetros de Campo Grande, após receber uma fatura em mais de R$ 800 de seu cartão de crédito. Ela afirma que não fez compras com o cartão.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado nesta quinta-feira (04), a vítima recebeu o boleto na quarta-feira e quando verificou, notou que haviam compras efetuadas que não partiram dela.

Conforme o MS Todo Dia, a mulher então entrou em contato com a administradora do cartão, quando foi dito que o valor seria estornado em 60 dias, que a empresa resolveria o problema e cancelaria o cartão.

A mulher procurou a delegacia de polícia, onde o caso foi registrado como . Ela afirma que não teria efetuado compras, já que está economizando por causa da crise ocasionada pela pandemia. O valores lançados na fatura chegam a R$ 883,23.

Mesmo sem fazer compras, mulher recebe fatura de R$ 800 do cartão e procura a polícia
Mais notícias