Mais um caso: homem é preso agredir funcionários e danificar equipamentos de CTI

Um homem de 33 anos foi preso por agredir funcionários e danificar equipamentos da CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa de Corumbá, cidade a 428 quilômetros de Campo Grande, nesta quinta-feira (09). Coincidentemente, na última segunda-feira (06) um caso parecido também ocorreu no mesmo hospital.

No boletim de ocorrência, consta que o autor estava dentro do CTI, na companhia de sua mãe. Durante um processo de ressuscitação cardiorrespiratória em um outro paciente, segundo a denúncia, ele não obedeceu a ordem de sair do CTI, procedimento obrigatório nos casos.

Ele então não obedeceu a ordem e entrou em luta corporal com uma equipe de funcionários, momento em que cairão ao chão e derrubaram alguns equipamentos (impressora, monitor e um CPU). A Polícia Militar foi acionada, prestou apoio a equipe e prendeu o homem de 33 anos.

Outro caso

Um jovem de 25 anos quebrou uma porta de vidro no setor de CTI (Centro de Tratamento Intensivo) do hospital na manhã da última segunda-feira (06). Após o ocorrido, o rapaz saiu do local e não chegou a ser preso em flagrante.

O jovem teve o ataque de fúria após receber a notícia da morte da avó de 73 anos. Ele quebrou a porta com uma cadeira de ferro do local.

Ele vinha postando em redes sociais que sua avó estaria sendo negligenciada pelos médicos da Santa Casa corumbaense desde sua internação no dia 09 de dezembro de 2019, quando deu entrada com um tumor nas partes íntimas e gemia de dor.

Mais um caso: homem é preso agredir funcionários e danificar equipamentos de CTI
Mais notícias