Mãe denuncia e rapaz que jogava droga na Máxima para pagar dívida com PCC é preso

Ele ainda estava evadido do Sistema Prisional

Na noite de terça-feira (7), rapaz foi detido na Rua do Lageado, na Mata do Segredo, após a mãe chamar os policiais e contar que o filho estava evadido do Sistema Prisional. Os militares ainda descobriram que ele arremessava ‘pombos’, porções de droga, para dentro do Presídio de Segurança Máxima.

Conforme a polícia, equipe da 11ª CIPM (Companhia Independente da Polícia Militar) foi chamada pela mãe do rapaz para ir até a casa dela, porque o filho estava foragido da Justiça. No local os militares confirmaram que ele era evadido do Presídio da Gameleira e ele acabou detido.

Ele contou ainda que estava devendo para o PCC (Primeiro Comando da Capital) e era obrigado a arremessar ‘pombos’ para o Presídio de Segurança Máxima, ou seja, jogar droga para dentro da unidade. Ele mostrou fotos no celular, comprovando que estava com a droga no dia 5 de abril e que no dia 6, segunda-feira, arremessou o entorpecente.

O rapaz revelou que fazia o serviço porque estava devendo para a facção e que um detento da Gameleira foi quem repassou para ele a droga e as coordenadas, através da esposa. Os policiais também localizaram a mulher e ainda um outro rapaz no Parque do Sol, responsáveis por armazenarem a droga. Com eles foram apreendidos três tabletes, que a princípio seriam de cocaína, mas o teste para a droga não foi conclusivo.

Todos os envolvidos foram detidos e levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol, onde o caso foi registrado como tráfico de drogas.

Mãe denuncia e rapaz que jogava droga na Máxima para pagar dívida com PCC é preso
Mais notícias