Operação prende narcotraficantes do PCC que ostentavam e queimavam dinheiro em MS

Durante a operação foram apreendidos R$ 100 mil em espécie e meia tonelada de drogas

O (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) deflagrou na manhã desta terça-feira (5), a Operação Piromania contra a facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital) e cumpre mandados em quatro cidades de Mato Grosso do Sul.

Ao todo são 20 mandados sendo 13 mandados de prisão temporária e 22 mandados de busca e apreensão em Campo Grande, Coxim, Bela Vista e Sidrolândia. A operação é contra membros do PCC que são atuantes no Estado, que faziam o tráfico de drogas, armas e lavagem de dinheiro. Duas pessoas já teriam sido presas e levadas para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro. Um dos presos foi encontrado no bairro Novos Estados e o outro preso no bairro Noroeste, onde a polícia encontrou drogas armazenadas.

Ao todo foram presos oito pessoas envolvidas com a facção criminosa, sendo duas levadas para a Depac Centro, outras cinco para a Cepol e mais um preso para a 6º Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande. Durante as prisões foram foram encontradas drogas nas residências dos alvos.

Durante a operação foram apreendidos R$ 100 mil em espécie e apreendidas mais de meia tonelada de maconha, além de cinco quilos de cocaína e cinco quilos de pasta base de cocaína. 13 pessoas já foram presas durante a operação por envolvimento com a facção criminosa PCC.

Durante as investigações se descobriu que os alvos se fotografavam queimando dinheiro que vinha do tráfico de drogas. O total de presos durante a deflagração da operação ainda não foi revelado.

 

(Colaborou Renata Portela)

Operação prende narcotraficantes do PCC que ostentavam e queimavam dinheiro em MS

Notícias sobre o assunto:

Mais notícias